Osteoporose: o que é, como cuidar?
por Érica Scadelai

A osteoporose atinge principalmente o sexo feminino e mulheres que entraram na menopausa ou estão quase nessa fase. Portanto, se você tem por volta de 50 anos, preste atenção: a doença se caracteriza pela redução da massa óssea do corpo, o que aumenta a possibilidade de sofrer fraturas.

Por que a redução de massa óssea ocorre em mulheres na menopausa?
Na menopausa, a mulher apresenta uma queda do hormônio chamado estrógeno. Esse hormônio tem função de regular as células ósseas que se perdem e se renovam no organismo. Em menor quantidade, o estrógeno não equilibra o processo de perda e de renovação das células. Isso significa que, nessa época da vida da mulher, existem mais células ósseas se perdendo do que sendo repostas. Os ossos, então, ficam menos resistentes.

Todas as mulheres podem desenvolver osteoporose?
Há mulheres mais sujeitas a desenvolver a doença. Por exemplo, aquelas com casos de osteoporose na família. Mulheres que fumam, magras em excesso, que ingerem muito álcool e pouco cálcio também têm maior chance de apresentar a doença. A perda óssea ainda pode ser acelerada pela ingestão de anticonvulsivantes, anticoagulantes e esteróides.

Qual o tratamento para a osteoporose?
O médico realizará o exame de densidade óssea para descobrir seu risco de sofrer fraturas. Densidade óssea baixa indica risco maior. Para mulheres com baixa densidade, a recomendação é parar de fumar, reduzir o álcool, aumentar a ingestão de cálcio e praticar exercício físico. Mulheres com densidade óssea muito baixa deverão tomar medicamentos indicados pelo especialista. O estrógeno é um desses medicamentos. O exame deverá ser realizado de tempos em tempos.

Antes da menopausa, o que pode ser feito para se reduzir os riscos da doença?
Embora a doença só comece a se manifestar na menopausa, a mulher pode se cuidar antes. Uma dieta saudável, com muito cálcio, é a base da prevenção da osteoporose. O exercício físico combate a doença, ao lado da alimentação adequada. Já dissemos que o cálcio é fonte essencial no combate à osteoporose, doença que atinge a mulher na menopausa . Mulheres entre 50 e 60 anos necessitam de 1200 mg de cálcio por dia. Já em mulheres com mais de 60 anos, a necessidade diária do mineral é um pouco maior: 1500 mg.

Atenção:
Essas informações não substituem a relação pessoal entre o paciente e o médico.

Envelhecer com mel ou fel?

Osteoporose: o que é, como cuidar?